sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Ai tem Pai que é uma delicia ;)

video

P.S.: Mesmo Moreno eu com um Pai destes matava a Mãe ;)

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Passei pelo meu Quintal e.....

















Passando hoje pelo meu Quintal, andei pelo jardim e deliciei-me em saborear momentos, desejos e sonhos.

Desejei voltar no tempo e ter-te de novo...
Sonhei em ver-te chegar com um sorriso que ilumina o meu dia e olhos brilhantes por me verem…
Saboreei os momentos dos teus beijos, o toque do teu corpo e o sabor da tua pele…

Ai e, ……. Naveguei!


P.S.: Isto para dizer que viajei na maionese e patinei co-mó caraças!

Miss Daisy de todas as cores!


I'm back to my land e como é bom!
Já fez uma semana que abraçei a minha Jiminy, não com toda a força que tenho, pois poderia correr mal, mas com muitas lambidelas e um cisquinho no oio!

Seguiu-se um almoço nipónico e uma tarde de andanças por aqui e por ali. Então não é que tinha eu que vir lá das Belinhas Lands para que a minha "Baixinha, Morena e Lindia" passasse ali pelo balcão de levantamento de exames...

Adelante, como dizem nuestros hermanos, Beijo no Papi, beijo na Mummy, siga até às Avencas fechadas, ou não fosse terça-feira! O que vale é q costa do Estoril é muito rica, next stop: St. Peters!

Depois de beijos nos Best Friends Ever, mais uma jantarada, agora não nipónica, mas um bocadinho ao lado.

E para acabar bem o dia: Salsada e Kizombada! Surpresa ao super professor das meninas; entre olhos brilhantes e abraços infinitos, a alegria é contagiante, prazeirosa e deixa-me assim, de todas as cores!

É bom demais estar de volta e ainda melhor ter-vos comigo, sentir-vos, beijar-vos, olhar-vos!

Miss Daisy to you...

Não te amo!




















Não te amo, quero-te:
o amar vem d'alma.
E eu n'alma --- tenho a calma,
A calma --- do jazigo.
Ai! não te amo, não.

Não te amo, quero-te:
o amor é vida.
E a vida --- nem sentida
A trago eu já comigo.
Ai, não te amo, não!

Ai! não te amo, não;
e só te quero
De um querer bruto e fero
Que o sangue me devora,
Não chega ao coração.

Não te amo. És bela; e eu não te amo, ó bela.
Quem ama a aziaga estrela
Que lhe luz na má hora
Da sua perdição?

E quero-te, e não te amo,
que é forçado,
De mau feitiço azado
Este indigno furor.
Mas oh! não te amo, não.

E infame sou, porque te quero; e tanto
Que de mim tenho espanto,
De ti medo e terror...Mas amar!... não te amo, não.



Almeida Garrett

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Morenos especiais





















Tem morenos que para mim são altos loiros e lindios. O caso do nosso Daniel.


Como não poderia deixar de ser o moçoilo ganhou o belo do idiota do Óscar. O Óscar tem destas coisas, adora ir com os gaijos e com as gaijas para casa.


Adorei ver o nosso Daniel receber o prémio. Já era fã dele desde o "My Left Foot" onde arrancou o primeiro Óscar e gostei de ver o moçoilo receber o segundo.


Não que tenha visto o filme, pois não o vi nem faço questão de o ver. Mas sei que tudo o que o menino faz é bem feito. Por isso nem preciso de ir confirmar porque sei que ele deve ter feito um "best" naquele trailer....


Além de que é dos poucos morenos por quem tenho um crushzinho amoroso, especialmente este novo visual dele com as belas das argolas na bela orelhona ;)


Este post, além de idiota (o amor tem destas coisas) é só para confirmar que tenho uma paixão tremenda pelo Daniel, apesar de ser alto, moreno e lindio.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

LOL, LOLADAS e afins....




















A malta não é muito fã do LOL. Claro que quando o LOL vem em sms de amigos a malta até não liga muito. Mas LOL é algo que nunca gostei. Prefiro um valente Ahahahahahahaha do que um LOL.

Ora o LOL anda por todo o lado e já me incomoda porque para mim uma gargalhada não é transmitida por um LOL. Mas pegou moda e fazer o quê?!

Lanchando com a filhota mais nova ela verbalizou o LOL o que me deixou “estupidafacta” (se bem que hoje em dia, passo a vida a estar “estupidafacta” por isso já é normal). Escrever um LOL ainda tolero, verbalizar um LOL tira-me do sério.

Bebendo um café com a filhota mais velha, ela verbalizou a Lolada… o que me deixou com os cabelos em pé… Lolada? Não era mais fácil dizer “parti-me toda a rir?” (talvez não, a frase tem mais bits verbais) tão típico do nosso português? (como se fosse possível alguém se partir a rir) mas mais tolerável do que “Lolada”? ou não!

Jantando com o meu amigo J. descobri que existem variantes do belo Laughing Out Laud. Ou seja, descobri que temos o LOI e o LOLROF. Ambos interessantes.

Tolero melhor um LOI, pois quando comunicamos com alguém por sms ou por Internet dificilmente o LOL corresponde à realidade, o que está a acontecer é realmente um LOI e não um LOL.

Por isso espero que passem a utilizar os LOI’s. Sejam verdadeiros convosco. Nunca coloquem um LOL que não esteja a acontecer em tempo real, para tal utilizem uns LOI….


Muitos LOI’s para o dia de hoje é o que recomendo ;)

domingo, 24 de fevereiro de 2008

Sunday's Flowers - Desabafo!

Por que me arrasto aos seus pés
Por que me dou tanto assim
E por que não peço em troca
Nada de volta pra mim?

Por que é que eu fico calada
Enquanto você me diz
Palavras que me machucam
Por coisas que eu nunca fiz?

Por que é que eu rolo na cama
E você finge dormir?
Mas se você quer eu quero
E não consigo fingir

Você é mesmo essa mecha
De branco nos seus cabelos
você pra mim é uma ponta
A mais nos meus pesadelos

Mas acontece que eu…
Não sei viver sem você
Às vezes me desabafo
Me desespero porquê

Você é mais que um problema
É uma loucura qualquer
Mas sempre acabo em seus braços
Na hora que você quer

Você é mais que um problema
É uma loucura qualquer
Mas sempre acabo em seus braços
Na hora que você quer

Roberto Carlos e Ângela Maria


P.S.: Cunhado nem comentes.... ;)

sábado, 23 de fevereiro de 2008

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

ai o Borba!












Ontem foi noite da nossa Miss. Daisy surpreender a Mamãe. Lá fomos as duas fazer surpresa e levar a Mamãe a jantar. Mamãe adorou rever a nossa Miss. Daisy moça mai linda que dá beijinhos à vizinha do volver nas bochechas da Mamãe (aquelas coisas que as Mamães adoram) ;)

Ora, lá fomos ao belo do Restaurante do grelhado, pedimos um Polvo à Lagareiro e uma feijoada de Gambas (coisa leve para um jantareles). Eis que de repentemente chega o meu amigo Borba e resolveu jantar connosco.

O Borba é um gaijo simpático, não o meu preferido, mas como o meu amigo Esteva e o meu amigo Demo não estavam presentes e o jantar não se adequava a que convidasse o Mateus, resolvi aceitar que o Borba jantasse connosco. E a coisa complicou

O jantareles correu divinal, fomos bem recebidas, jantou-se muito bem, a Miss. Daisy estava super bem disposta e a Mamãe encantada (ela adora a Miss. Daisy, e já tinha saudades) e do meu lado o Borba não me largava (o gajo é uma melga). Colou-se a mim e já não me largou.

Chegou à altura da bela da sobremesa “ai e tal, não me apetece” mas lembrei-me da bela da tarte de maçã quente com canela e passas e com o belo do gelado a acompanhar… “ai e tal, parece-me bem” ;) dividimos a bela da tarte.
Simpaticamente o Borba quis dar a sobremesa na boca da Mamãe, ele estava muito meigo, é um querido.. Eis quando senão, o idiota queimou a Mamãe, que se viu “chinesa” (não posso dizer Grega senão a K. mata-me) para comer o doce que fervilhava na sua boca.

Depois da sobremesa, lá ficamos a cavaquear e o Borba não se calava, o gaijo estava impossível, não dava espaço a ninguém. Já cansadas do gaijo resolvemos sair o quanto antes. Calmamente Miss. Daisy deu o braço à Mamãe, de repente ela distraiu-se e desviou-se um bocado mais e o anormal do Borba resolveu pisar a Mamãe com toda a força… ficamos “estupidafactas” como é que aquele gaijo conseguiu fazer tanta idiotice em tão pouco tempo.

Quando chegamos ao carro Mamãe comentou… Jiminy, não sei onde desencantaste este idiota filha! Tens de começar a seleccionar melhor os teus amigos, mais um cadinho e dá-me uma facada nas costas!

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Loiro, Lindio e.... Persistente ;)

Como todos sabem gosto de Homens Altos Loiros e Lindios, este não é alto mas é loiro e lindio e tem algo que considero deveras "imputante" .... é Persistente com o objecto de desejo ;)


video

Ahhhhh e reparem bem no penteado Fashion ;)

Atendimento Positivo!




















A malta foi ao SACE - Serviço de Apoio à Criação de Empresas e Emprego, aqui da área. A malta ia motivada e bem dispostinha.

Demorou quinhentos anos para ser atendida e esta foi a conversa.

Gaija do Atendimento: Bom dia, que tipo de informações gostaria de saber para a criação de Empresa?
Eu: o meu objectivo é …. Bla, bla e bla!
Gaija do Atendimento: Mas já reparou que não vai ter clientes?
Gaija do Atendimento: Mas já reparou que ninguém está disponível para esse tipo de projectos se não for subsidiado por fundos europeus?
Gaija do Atendimento: Está preparada para perder dinheiro?

Isto foi tudo nos primeiros 5 minutos de conversa…. E eu a pensar… Ok, a malta vinha motivada!!!! E só me lembrava daquele emotions do Messenger que tem os olhos esbugalhados (devia de ser a cara que eu estava a fazer!)

Gaija do Atendimento: Desculpe estar a dizer-lhe isto mas tem de estar preparada para o pior!
Eu: Bem, independentemente do pior, o que é necessário fazer?
Gaija do Atendimento: Tem de apresentar um projecto de Viabilidade Financeira e depois nós aprovamos ou não!
Eu: Ahhhh! Preciso de pagar a alguém para fazer o projecto financeiro?
Gaija do Atendimento: Claro, não estava a espera que fossemos nós a fazer!
Eu: Pois!

Agradeci à gaija pela atenção prestada e sai de lá com a motivação ao contrário, claro!

Passado 1 hora recebi um sms da anormal a dizer que o meu projecto não era viável devido a não estar na listazinha deles!!!!

E eu a pensar… Esta gaija deve de estar de TPM na mona e realmente os serviços neste País são do melhor! Nem sei para que existem.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

St. Peters!















O segredo de ontem (que já pode ser revelado) é que Miss Daisy is back to our Land ;)

O pôr-do-sol nas Avencas foi cancelado à última da hora devido ao cafezito estar fechado. Mundança de planos e bora lá para... St. Peters


Este foi o pôr-do-sol que vimos ao som de dois chás enquanto esperavamos pelo resto da trupe!


O Mar estava lindo e o sol batia deixando Miss. Daisy completamente douradinha. Eu, é um pouco mais dificil ficar douradinha porque não há sol que me esturrique, a malta é tão branca que até brilha de nôte!














Depois chegou o resto da trupe, e entre abraços, beijos e apalpões à Miss Daisy, o sol ía fugindo e o dia transformava-se.

Contando as novidades e aventuras e matando saudades os olhinhos da nossa Miss Daisy brilhavam pois voltou a ter o seu Mar de volta ;)


Tive pena de não ter connosco a Guerreira Low Profile e o Brother da mesma, mas a malta não tinha a connection dos dois para os avisar. E fomos continuando o nosso chá, agora já a quatro.


Enquanto a trupe matava saudades e botava a conversa em dia eu ía olhando ao meu redor. O mar estava mais lindo do que nunca, o sol já tinha ido e preparava-se para chegar a noite e juntamente com ela a lua.




O sol desapareceu de vez e chegou a hora da brasileirada correr com a trupe do cafezito à beira mar.


A trupe agarrava-se com unhas e dentes à mesa pois não queria por nada deste mundo quebrar o momento, que sabia a pouco, e há imenso tempo não o tinha... Era a tentativa de prolongar um bocado mais o momento juntos.


A brasileirada não deu hipótese e lá fomos... sob protesto mas teve de ser!


Ao sair olhei para a lua que iluminava o mar. Este estava cada vez mais lindo e transmitia uma paz imensa e bem-estar. Tive a nítida sensação que alguém pendurava a lua de propósito para iluminar o mar de St. Peters. Algo um pouco dificil pois tem de se ser muito radical para ir colocar a lua no céu para iluminar aquele marzão todo. Descobri mais tarde que sim ;)

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Parabéns Cunhada!
















Como não poderia deixar de ser, hoje passamos por aqui para deixar registado os Parabéns da Cunhada (cara metade do Bro) que vive na Belinha Land e anda a celebrar o aniversário por terras aqui ao lado.


Miss Daisy deixou-me como tarefa não esquecer desta data, dado que, a moçoila anda passeando com o casal por terras espanholas. Por isso, deixo aqui os Parabéns à Personal Trainner mai linda da Belinha Land.


Parabéns para a Cunhada!

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Avencas!
















Amanhã, dia 19 de Fevereiro, o pôr-do-sol será nas Avencas. Beijos de até lá

domingo, 17 de fevereiro de 2008

Sunday's Flowers - Esta vai para a Marthia ;)

You may not be an angel
Cause angels are so few
But until the day that one comes along
I'll string along with you

I looking for an angel
To sing my love song to
And until the day that one comes along
I'll sing my song to you

For every little fault that you have
Say I've got three or four
The human little faults you do have
Just make me love you more

You may not be an angel
But still I'm sure you'll do
So until the day that one comes along
I'll string along with you


Diana Krall

sábado, 16 de fevereiro de 2008

Snow White: A Tale of Terror














Ontem revi o filme Snow White: A Tale of Terror (1997) dos irmãos Grimm. Com Sigouney Weaver, Sam Neill, Mónica Keena.

A maioria das pessoas vê neste filme apenas mais uma história de terror. Contudo, esta foi a visão que os irmãos Grimm me deixaram.

Um conto da nossa infância numa versão bem actual. As relações são as de hoje e de conto de fadas tem muito pouco. A história acontece na época das cruzadas onde define a sociedade da altura. A relação da “filhinha do Papai” que odeia a madrasta logo de início. O facto de a Madrasta estar sempre em segundo plano no Amor (pois o marido ama mais a filha). O comportamento repudiante ao longos dos anos, por parte da criança, leva a que a senhora se transforme e a situação agrava.

A Madrasta não aguentou a pressão de todos estes sentimentos, e chega ao limite. Por fim, para agravar a situação, que já estava no caminho do declínio da sua saúde mental, dá à luz uma criança já sem vida o que lhe gera uma depressão pós-parto. Podemos concluir que, no fundo, ela não era uma bruxa má, mas sim, uma mulher como outra qualquer que chegou ao limite e descompensou.

O filme tem uma luz incrível, a transformação da Sigouney Weaver está um "must" (papel feito à medida para ela) e o guarda roupa é divinal.

Aconselho vivamente. Uma visão diferente, que nos faz puxar pelos pipinhos de uma forma espectacular!

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

Contagem decrescente.....















Contagem decrescente para Madrid by day and by night ;)


Como não consegui a minha boleia nem o selo dos CTT, could u please be so kind, e envia-me uns "caramelius?"




São Valentim!













Hoje recebi um postal do meu Namorado… A TMN!
Adoro os gaijos! Lembram-se sempre de mim. Foram os primeiros a dar-me os Parabéns, mandam-me sempre beijinhos pelo Natal, e todas as épocas festivas, uns queridos!

Ora, como hoje é dia dos namorados, eis as minhas recomendações aos gaijos (podem seguir ou não, aqui ninguém obriga ninguém)

Ofereçam à querida um dia no SPA… pode ser aquele ali no centro comercial Castil (que até é bom)

Depois levem a menina a jantar fora, pode ser ali perto, no restaurante 33 na Alexandre Herculano, de preferência jantem no jardim ;) Se não quiserem este, podem sempre ir jantar ao Luca (mas penso que deveriam ter reservado com um mês de antecedência) que tem um Coulan de Avelã divinal ;)

Depois do Jantar, deixo ao vosso critério e imaginação, mas façam coisas boas ;)


Ah! e surpreendam!

Desejo a todos um dia doce e uma noite divinal ;)

P.S.: Mamãe ligou e disse "jiminy I Lambiu filha" com uma Mãe destas quem quer saber da TMN? eu não!

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Thought for Today!

"O que mais o surpreende na Humanidade?"

"Os homens (leia-se HOMEM) (...) e vivem como se nunca fossem morrer... e morrem como se nunca tivessem vivido."

Dalai Lama

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2008

Daily Life at Belinha Land - II


E quando ao fim de um dia, pouco agitado, nos deparamos com um belo Blueberry Muffin nas prateleira do Tesco, quem é que lhe resiste??!

Eu não, seguramente!! Gosto e muito de berries e afins!

domingo, 10 de fevereiro de 2008

Diz que eu sou outro genere de estilo!


Jiminy: LOL com acento?

Daisy thought: Mas como não haveria eu de ter um estilo diferente!?!??!

Daily Life at Belinha Land

Pois bem, isto de viver em Mayotte tem que se lhe diga! Várias coisas ate!

1) Diz que é caro como tudo pôr a bela da pata elegante fora do cubículo!

2) Diz que há aves raras por todo o lado, que por sinal falam uma outra língua com um sotaque estranho! Agora imaginem isto com as variadíssimas influências: ele é Monhé; ele é Monhé; ele é Nigeriano (Bah!?); ele é Monhé; ele é Zucas, leia-se Brasileiros, bem, um montão deles espalhados por todas as esquinas -oh-meu-Deus-que-eles-são-tipo-pragas! Ele é tantas outras coisas que agora não consigo descrever, ate porque é quase ofensivo tentar adivinhar qual deles não pertence á Belinha Land!

3) Há sujeitos tão azuis, mas tão azuis que depois abrem a boca e sai um Super-British-Accent que a malta ate se troca toda a dizer "Said that again, please!!"

4) Depois há os mais vulgares nesta ilhota, digamos que têm cristas dos anos 80, usam Keds
numa tentativa frustrada de os manter
branquinhos-imaculados-nesta-ilha-onde-o-inverno-dura-sempre!! Sandálias para sair a noite (com 1 grau?!?!?); nada de
Umbrellas, porque aqui não chove nada...

E o melhor disto tudo mesmo!??!? Sabem o que é bom nesta ilha??
É que ninguém olha para ti! Nem que estejas de verde ás bolas lilases a espumar-te da boca ou donde queiras!!!

Sunday's Flowers

Who would have thought that you could hurt me
the way you've done it?
So deliberate, so determined

Since you have been gone
I bite my nails for days and hours
and question my own questions on and on

So tell me now, tell me now
Why you're so far away
When I'm still so close

You don't even know the meaning of the words I'm sorry
You said you would love me until you die
And as far as I know you're still alive
Baby

You don't even know the meaning of the words I'm sorry
I'm starting to believe
it should be illegal to deceive a woman's heart

I tried so hard to be attentive
To all you wanted, always supportive, always patient
What did I do wrong?
I'm wondering for days and hours
is it here, it isn't here, where you belong

Anyhow, anyhow
I wish you both all the best
I hope you get along

But you don't even know the meaning of the words I'm sorry
You said you would love me until you die
And as far as I know you're still alive
Baby

But you don't even know the meaning of the words I'm sorry
I'm starting to believeit should be illegal to deceive a woman's heart

You don't even know the meaning of the words I'm sorry
You said you would love me until you die
As far as I know you're still alive
Baby

You don't even know the meaning of the words I'm sorry
I'm starting to believe it should be illegal to deceive awoman's heart

Open heart, open heart, it should be illegal to deceive a woman's heart,
Open heart, open heart, it should be illegal to deceive a woman's heart.

Shakira

Eu vi um sapo!




















A malta ontem foi para os copos, qual noite divinal que chamava por eles. Estamos no Verão e tudo com saudades dele ;)

Bem, a malta vai para os copos mas pelo simples facto de socializar e de não ter euros suficientes para o ginásio, porque a malta gosta mesmo é de saltar para a pista e fazer a bela da aula de “aérovica” ;)

Lá socializamos, abanamos o esqueleto e bebemos um Tini (mais que um dá cabo do orçamento e dos pipinhos). Estava eu socializando quando senti uma mão no meu “befe” e deu um apalpão. Ora, o “befe” é meu, e que eu tenha conhecimento só uma pessoa neste mundo apalpa o meu “befe” daquela maneira, e o dito cujo não estava presente.

Pensei… Ai o Catano! Queres ver que vou ter de descer dos meus singelos saltos de 10 cms e rodar a baiana?

Bem, como não é do meu feitio “peixeirar”, lá olhei para trás lixada com um grande “F” para saber quem tinha sido o autor do crime. Deparei-me com uns lavadinhos na faixa de rodagem dos 35 anos.

E pensei… Nã, estas gaitas são os putos que fazem, homens maduros não apalpam “befes” às gaijas, muito menos lavadinhos e bem comportados. Será?

Continuei socializando sem descobrir o autor do crime e pensei…

Será que foi o sapo? O gaijo agora deu para ser o homem invisível!

sábado, 9 de fevereiro de 2008

Into the Wild














Filme de Sean Penn, com Emile Hirsch, Marcia Gay Harden, William Hurt, Jena Malone e Vince Vaughn

Filme baseado no aclamado Best-Seller de Jon Krakauer, «O LADO SELVAGEM», baseado na história verídica de Christopher McCandless um americano que morreu perto do Parque Nacional Denali depois de uma aventura sozinho na selva alasquiana com pouca comida e pouco equipamento.

McCandless cresceu em Annandale, Virginia. Provinha de uma família de classe média alta, da qual sempre tentou fugir. Queria seguir o seu caminho e descobrir o mundo. Sempre sonhou com uma "Odisseia Alasquiana" e viveu livremente na região, muito distante da civilização, (após ter deixado todo o seu dinheiro para uma instituição de caridade) e manteve um diário onde descreveu o seu processo físico e espiritual conforme encarasse as forças da natureza.

Por muitos é visto como um herói por outros é visto como alguém que não fez algo corajoso, apenas trágico e inconsiderado. Chegou a Stampede Trail sem ter um mapa do local. Se tivesse tido um bom mapa, poderia ter saído da situação difícil em que se colocou... Corajoso, era ele ter feito as coisas com cabeça tronco e membros e ter-se mantido vivo para mais tarde contar…. Basicamente, Chriss McCandless suicídiou-se.... Penso eu de que!

Contudo, é um bom filme que nos mostra o lado da descoberta da vida ;)

Bom para o Quintal

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Não entendo este Pessoal!


















Estando à conversa com a minha amiga S.

S: Oh pá! Não entendo estes homens!
Eu: Então? Que passa?
S: Lembras-te do M.?
Eu: Yap!
S: Pois bem, ao fim de 3 meses descobri que eu namorava com ele e ele não namorava comigo!

E eu a pensar… ok! Amigo colorido! E ela só percebeu ao fim de 3 meses?

S: oh pa! Sabes que não sou dessas coisas, ou eu namoro ou não namoro!
Eu: Pois!
S: Esta coisa de estar comigo durante a semana só às tantas da noite e ao fim-de-semana não sabia dele, não dá. Logo no fim-de-semana? Quando há mais tempo disponível? só queria estar com os amigos, e nada de saber de mim!
Eu: pois!
S: oh pá! Eu pensava que éramos namorados, deu-me a entender que éramos, ate foi ao meu emprego, toda a gente o ficou a conhecer. Afinal era.... Nada!
Eu: pois! Miga, sabes o que é amizade colorida? Se calhar era o que o moço queria!
S: Mas tu conheces-me, eu não sou dessas coisas, sou de namorar. Quero um homem que me faça mimos e um cafoné na pinha!
Eu: Ahhhhhhh Miga! Num há!
S: Mas miga, agora tenho o A. a mandar sms e tratou-me por “amorzinho”
Eu: Olha! Que nice, então?
S: Então miga, não estou preparada para ter uma relação!!!!!

E eu a pensar….. Ai o catano! Esta gente anda Varalhada!

Bebendo café com o meu amigo C.

C: Miga, estou em estado de choque!
Eu: Então???? Que passa?
C: Lembras-te daquela Assessora de Qualidade Sexual que tenho?
Eu: Sim, a R. Moça gira, inteligente (advogada, por sinal), simpática e com tudo para ser uma namorada espectacular.
C: Pois, aí que está o problema.

E pensei eu… este gaijo está parvo! a moça é só a Scarlett Johansson cá do sitio, tem tudo o que um homem pode desejar e este gaijo não tem tempo para ela por causa do trabalho, ginásio, amigos, e o raio que o parta! Vamo lá ver qual é o Pó-brema dele.

Eu: Então? Apaixonaste-te?
C: Não, ela é super-espectacular… mas o problema é que da última vez que esteve lá em casa vestiu a minha camisa para ir ao WC e convidou-me para tomar um duche!!!!
Eu: Ahhhhhh!!!!!!! Grande problema, realmente!!!!!!!

E pensei… O homem divide o corpo com ela mas não divide a camisa e o banho???... estas gaijas tem uma mania de abusar da intimidade de um gaijo! Realmente!




P.S.: Vocês façam qualquer coisa! Talvez um contrato verbal?! talvez delinear as relações à partida, só para ninguém se Varalhar?! Tornem isto ainda mais racional do que já está! que assim ninguém se entende, Bah!

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Let's Guess?



















Se a musica do Summer of Sixty Nine tivesse nada no meio o que seria?

O Batata!













Hoje quinta, o meu dia preferido da semana. Tem sempre algo que me marca neste dia especial. Hoje foi o Batata!

Ora, nem preciso de vos contar, porque já sabem. Enfrentei os meninos do Pastel de Nata da 5 de Outubro, e o percurso habitual de sempre. Lá fui ao trabalho que mais gosto de fazer e que me deixa sempre bem disposta.

Quando ia a sair do edifício, entrou no mesmo um canito (um cadinho maior que o da foto) e fez-me uma festa descomunal. Perguntei o nome ao dono (que não era daqueles que passeiam o melhor amigo para connection), e respondeu-me que o nome do piqueno era “Batata”, achei o máximo! Ninguém se chama Batata!

Ora o Batata, era a coisa mais louca (tal como todos os bebés ;)…) Ele beijou-me a cara toda e saltou, literalmente, para o meu colo. Beijos e mais beijos e de repente trinca sexy na orelha, o piqueno esticou-se uma “bequinha” assim ao de levinho ;)

Lá me ri mais um pouco com ele, e ele nada de parar, e eu ficava ali o resto da manhã. O dono todo incomodado porque achava que o Batata já estava a abusar (qual Pai preocupado quando o filho abusa)… mas eu acalmei o senhor porque não me estava a incomodar minimamente!

Saí de lá feliz da vida entre beijos e trincas sexys na orelha e com um novo amor, o Batata!


Tomara muitos dar trincas sexys na orelha como o meu Tata deu ;)



P.S.: It’s a sign? Uhhhhhh! Todos os canitos se mandam para cima de mim aos beijos!!!!

Gestão da Raiva!

As vezes, quando estamos com raiva de alguém, devemo-nos sentar e pensar no problema!

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

O Substituto!















Hoje foi dia de me despedir do substituto. Foi um mês de namoro e conquista. Contudo, o meu coração tem dono. O meu Bogas, será sempre o meu amor eterno, posso parecer um pouco piegas mas é a ele que eu amo do fundo do coração.

Claro que a minha relação com o Bogas, existe há já alguns anos largos e tenho apanhado alguns sustos com ele. O gaijo é muito quente, à mínima coisa aquece logo. Farto-me de lhe dizer “querido, não aqueças tanto perante as situações, um dia salta-te a tampa e está tudo estragado entre nós” ele lá me dá ouvidos e lá se acalma.

Depois é um gaijo muito nervoso, perante as situações não consegue parar, quer ir até ao fim.. e lá lhe digo eu “querido é melhor parares que estou a ver a traseira da frente perto demais” e lá lhe meto umas abaixo e ele lá resolve ouvir. Por fim, é um grande doido, só gosta de andar a 160 e sempre a abrir…

Pessoalmente o único inconveniente que encontro no meu bogas é passar pelos buracos da vida e quase se desmanchar todo. A vida tem os seus buracos, qual estrada (escolham, qualquer uma serve) portuguesa. O moço perante esta adversidade escangalha-se todo, dá-me cabo da coluna!

Ora o substituto, é o oposto. É todo certinho, lavadinho, todo cómodo, simpático, e com tudo a que uma mulher tem direito. Passei com ele um mês, deu-me momentos deliciosos, mas não se compara ao meu Bogas de forma alguma.

Porque será que sou assim? Poderia muito bem apaixonar-me pelo substituto… Esta gaita de ser fiel!!!

The Darjeeling Limited




















Um filme de Wes Anderson com Owen Wilson, Adrien Brody, Jason Schartzman e Angélica Huston (de quem sou fãn).

A busca de três irmãos por uma relação que nunca tiveram ao efectuarem uma viagem pela Índia. Entre aventuras e desventuras, entre medos, falta de confiança e dúvidas se a relação existente entre os três seria mais importante se não tivessem laços sanguíneos. O não cortar o cordão umbilical com o falecido Pai e a busca da Mãe ausente. Um filme encantador, com imagens paradisíacas e com uma banda sonora dos anos 60/70 (Peter Sarstedt, kinks e Joe Dassin)... simplesmente Divinal.

Algo apetecível para o bem-estar do Quintal

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Para o Pipinho da Jiminy

"Sei um ninho.
E o ninho tem um ovo.
E o ovo, redondinho,
Tem lá dentro um passarinho
Novo.

Mas escusam de me atentar:
Nem o tiro, nem o ensino.
Quero ser um bom menino
E guardar
Este segredo comigo.
E ter depois um amigo
Que faça o pino
A voar..."

domingo, 3 de fevereiro de 2008

Sunday's Flowers

Between the eyes of love I call your name
Behind the guarded walls I used to go
Upon a summer wind theres a certain melody
Takes me back to the place that I know
Down on the beach

The secrets of the summer I will keep
The sands of time will blow a mystery
No-one but you and i
Underneath that moonlit sky
Take me back to the place that I know
On the beach

Forever in my dreams my heart will be
Hanging on to this sweet memory
A day of strange desire
And a night that burned like fire
Take me back to the place that I know
On the beach

Chris Rea

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

Penso de que......

Human being are kind of interesting from birth until they reach the age of a year and a half . Then they are boring until they reach fifty. By that time they´re either completely defeated and fucked up, wich makes them interesting again, or they´re learned how to beat the game, and that makes them interesting too.

A Bela da Hormona!

Tem aquelas alturas do mês, coisas que os gaijos nem sabem o que é, mas que as gaijas não fazem outra coisa senão saber do assunto, em que a bela da hormona anda aos pulos.

As gaijas são umas doidas, dão cabo do sistema, baralham o pipinho e ainda dão cabo do corpo com ansiedades, stress e má disposição e por último não contentes com o assunto dão cabo do sentido de humor… ou seja deixa-nos lixadas com um grande “F”….

Ora, as minhas andam a começar a querer saltar e se tem coisa que me chateia é quando as gaijas o começam a fazer. A malta já sabe que todos os meses as gaijas adoram pular, e curtir uma “beca” (como diria o H.), a malta tem este conhecimento há anos, mas nada impede que me deixe chateada com elas.

Ainda por cima porque basta um acontecimento supérfluo, noutra altura qualquer seria mandado à fava, nesta altura as belas das hormonas dão uma importância brutal à coisa, o que ainda me deixa mais possessa.

A malta anda farta delas, o Sôtori diz “Ah menina, tem de viver com elas” e eu a querer pedir o divórcio às mesmas e ninguém me liga…. Nem elas, nem o Sôtori, shiti!

Por isso, era só para avisar que as minhas hormonas arrancaram, qual doidas, disparadas para o auge da parvoíce, não aturo cenas, não aturo shitis, não estou com paciência…. E por tal estou really pistoff da vida.


P.S.: don´t chateiem myself que estou com os azeites, com a telha e possessa! Bah! (é que nem os Quenianos ajudam)

Ai o Esteva!












Após um sushi e um foundue de chocolatis, matando saudades com a Belinha Land:





Miss Daisy: Jiminy, quem é o Pedro?


Eu: Oi? Heim? quem?


Miss Daisy: Tenho no meu telemóvel um Pedro da Jiminy! só pode ser teu miga!


Eu: Miga, o Esteva, reserva 2005 não está a ajudar, Pedro?????


Miss Daisy: Sim! só pode ser! Quem é o Pedro?

Após meia-hora.......


Eu: Ahhhhhhhh! o gaijo que não é deste mundo?


Miss Daisy: Será?


Eu: Só pode ser!



P.s.: Miga não me faças perguntas dificeis depois de um Esteva ;)